quinta-feira, 3 de outubro de 2013

NOTA DE ESCLARECIMENTO - DIOCESE DE NOVA IGUAÇU - RJ.



NOTA DE ESCLARECIMENTO.


Em atenção à reportagem do Jornal O Globo de 29/09/13, a Catedral de Nova Iguaçu esclarece que a Missa da Graça, realizada às Sextas-Feiras nesta Sé de Santo Antônio, é realizada conforme a Liturgia da Santa Igreja, tendo como compromisso a celebração do mistério eucarístico e o conforto espiritual dos fiéis.

Agradecemos ao Jornal O Globo por nos visitar, mas não concordamos com o subtítulo da matéria que atribui à Missa da Graça a alcunha de "missa da dor de cotovelo", algo estranho a esta comunidade.  Tampouco podemos admitir as comparações de nossa Missa com elementos totalmente estranhos à nossa liturgia, como o cenário de uma banda de rock.  Também esclarecemos que não há adoração a quaisquer objetos, mas sim ao Santíssimo Sacramento que "não representa a figura de Jesus Cristo", como sugere a reportagem, mas que, para nós, é o próprio Cristo presente na Hóstia Consagrada.  Cabe também a correção de outros equívocos da reportagem como quando, a certa altura, cita elementos que existem em qualquer Missa e os apresenta como se fossem excentricidade, como por exemplo, a cesta de intenções.  E ainda, se não bastasse, a reportagem fala de coisas que não acontecem na Missa da Graça como, por exemplo, "um poste à entrada da Igreja (onde) homens deixam seus telefones para contato das mulheres".  Isto não é verdadeiro.

Convidamos todos os que acompanharam a reportagem para que nos visitem e comunguem conosco da presença real Daquele que é o único centro de nossas celebrações e nossa fé: Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo presente na Bíblia, na Eucaristia e na vida de nosso povo querido e sofrido da Baixada.

Catedral de Santo Antônio, 02 de outubro de 2013.
Festa dos Santos Anjos da Guarda.
Pe. Marcus Barbosa Guimarães 

Nenhum comentário:

Postar um comentário